quinta-feira, dezembro 01, 2011

Ad Majorem Dei Gloriam II - Arnaud Amalric et Godefroy de Bouillon


Na breve nota que se segue, excelsos irmãos d'armas, gostaria de prestar um tributo a dois miríficos paladinos da Igreja.

 _____

Arnaud Amalric (? - 1225)























Abade de Cîteaux e Legado Papal durante a cruzada contra os albingenses, foi sem dúvida um dos grandes próceres da Cristandade. Em 1209, por ocasião do assalto final à cidade de Béziers, ao ser inquirido pelo comandante das tropas da Igreja sobre como distinguir entre hereges e inocentes, o venerável monge cisterciense deu-lhe a seguinte resposta:


Caedite eos. Novit enim Dominus qui sunt eius.
(Matai-os todos, Deus reconhecerá os seus)

_______________________

Godefroy de Bouillon (1058 - 1100)


























Falemos agora d'um ínclito entre ínclitos, o ático Godefroy de Bouillon, Senhor do burgo de Bouillon e Duque da Baixa Lorena. Descendente de Charlemagne, Godefroy de Bouillon foi o principal comandante militar das armas cristãs na Primeira Cruzada. Sua liderança, coragem, abnegação, inteligência e, sobretudo, sua imorredoira e indomável fé na palavra do Altíssimo, foram elementos decisivos em batalhas de suma importância, tais como as de Dorylaeum, Arsuf, Nicaea, Ascalon, Antiochia, etc. Cito, por fim, um episódio que demonstra a supina humildade de que só os grandes próceres são capazes: ao ser nomeado Rei de Jerusalém, Bouillon declinou da honraria, dizendo:



O único Rei de Jerusalém é Jesus Cristo. Sou apenas um defensor do Santo Sepulcro.


_________________________


Ten. Giovanni Drogo

Forte Bastiani

Fronteira Norte – Deserto dos Tártaros

2 comentários:

Luiz disse...

Alvissara confrade avante para grande síntese de todas as forças, reacionárias, românticas e revolucionárias contrárias a sociedade aberta liberal! Malgrado as intempéries lançadas pelo moloch sionista e pelo império de Mamon, nos alçaremos rumo ao Arcano Eterno!

Alphonse van Worden disse...

Assim seja, irmão d'armas, assim seja!